TAPIRAPE FM

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Sobreviventes relatam pânico após acidente que matou 11 em MT

Foto: José Antônio Araújo/AgoraMT
Sobreviventes do acidente que deixou 11 mortos na BR-070, no município de General Carneiro, a 449 km de Cuiabá, relataram os momentos de pânico que viveram após o ônibus em que viajavam tombou e caiu em uma ribanceira em Mato Grosso. Vinte e três pessoas ficaram feridas no acidente, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF-MT). A maior parte foi levada para o Pronto-Atendimento Municipal de Primavera do Leste. Um dos pacientes - um adolescente de 13 anos - foi transferido daquela unidade para o Hospital Regional de Rondonópolis, a 210 km da capital, em estado grave. Ele teve traumatismo craniano e está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

saiba mais

"Estava todo dormindo e, quando eu me dei conta, estava do lado de fora de ônibus. E já sem andar, porque quebrei três costelas. Depois eu fiquei lá, esperando que levassem as pessoas que estavam mais graves", disse a dona de casa Solange da Silva.

"Foi horrível. Muita gente gritando de um lado e do outro. Um dizia que estava sem a mão, outro dizia que estava sem a perna. Horrível mesmo", declarou. Solange contou ainda que a prima dela, que estava no ônibus, está desaparecida. As duas estavam indo de Anápolis (GO) a Santa Helena (MT). A dona de casa diz se considerar uma pessoa de sorte por ainda estar viva. "Estou com a sensação de ter sido protegida por Deus, de ter ganhado uma segunda chance. Nasci outra vez", declarou.

Outra sobrevivente contou que conseguiu salvar a filha, mas que perdeu contato com uma sobrinha que viajava com ela. "Eu acordei e o ônibus estava virando. Só pensei em pegar minha neném e jogar pra cima de mim pra protegê-la. Mas acabei me perdendo da minha sobrinha. Fiquei procurando, mas não achei", disse a cabeleireira Nilza de Brito. A sobrinha dela tem 17 anos. As três embarcaram em Goiânia (GO) e estavam indo para a cidade de Nova Canaã do Norte (MT).

Segundo o perito criminal Mairo Fábio Camargo, que atendeu a ocorrência, ainda não é possível saber as causas do acidente. "Aparentemente houve uma perda de direção, mas não se sabe o que levou a isso", disse. O motorista do ônibus está entre os sobreviventes.


O acidente

O ônibus de transporte interestadual era da empresa Satélite Norte e tinha saído de Imperatriz (MA) com destino a Peixoto de Azevedo, a 692 km de Cuiabá, quando tombou na pista e caiu em uma ribanceira. No momento do acidente, havia 42 passageiros. O ônibus ainda não havia passado pela capital mato-grossense, local em que estava previsto o desembarque de cinco pessoas.


Do G1 MT

Nenhum comentário:

Postar um comentário