TAPIRAPE FM

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Preso o suspeito de botar fogo em destacamento da PM em MT, dois veículos foram destruídos

Já está preso o suspeito de atear fogo no destacamento da Polícia Militar em Ribeirão Cascalheira (830 km de Cuiabá) e queimar um carro e uma moto. Trata-se de Fabildo Costa Gonçalves. Ele foi detido na manhã de quarta-feira (9) na residência da mãe dele. 

Fabildo foi localizado após populares passarem características do elemento que ateou fogo no destacamento, aproveitando do momento que não havia policiais na unidade. Segundo testemunhas, o suspeito estava com camisa rosa, boné branco e uma mochila cujos pertences foram encontrados com Fabildo. 

O incêndio começou por volta da meia-noite de terça-feira para quarta-feira, justamente no momento que os dois PMs de plantão estavam fazendo blitz pela cidade. O suspeito cortou a mangueira de um botijão de gás e arrastou o botijão para área do destacamento onde estava o carro Cros Fox do subtenente Júnior e uma moto Honda 150 cilindradas. 

Nesse momento ele ateou fogo e saiu correndo. Populares que passavam pelo destacamento perceberam o incêndio e correram para apagá-lo. O soldado Emerson, que estava de folga, ajudou com extintor. Mais moradores usaram extintores e até um caminhão-pipa. Apesar do esforço, os dois veículos tiveram perda total e por pouco não houve uma explosão de todo o destacamento por causa do botijão de gás.  

A polícia acredita que o suspeito estava sob efeito de alguma droga e provavelmente com alguma bronca da PM e, por isso, ateou fogo no destacamento. Além dos veículos foram queimados aparelho de televisão, de telefone e outros materiais de expediente. Os moradores chegaram até a usar baldes no combate ao incêndio.

Por: Olhar Direto

Nenhum comentário:

Postar um comentário