TAPIRAPE FM

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Quem não combater dengue pode pagar R$ 210 mil

O Governo de Mato Grosso está endurecendo o combate à dengue neste ano visando principalmente evitar epidemia da doença no período da Copa. Somente no início deste ano, de 1º de janeiro a 13 de fevereiro, o Estado já registrou 1.399 casos, sendo que duas pessoas vieram a óbito, uma em Cuiabá outra em Sinop.
Diante da gravidade deste quadro, o secretário de Saúde, Jorge Lafetá, editou Decreto prevendo até aplicação de multa a proprietários de imóveis que tenham focos da larva do mosquito que transmite a doença.
Isso é algo inédito no Estado, conforme o superintendente de vigilância em saúde da SES, Juliano Silva Melo. A fiscalização será feita por meio de parceria com as prefeituras e a multa a ser aplicada segue os mesmos valores da Vigilância Sanitária, podendo variar de 5.200 a 210 mil reais, dependendo da gravidade em que o terreno for encontrado.
Em casos de estabelecimentos comerciais, empresariais e órgãos públicos, a portaria prevê, inclusive, a interdição do imóvel para a limpeza, suspensão do funcionamento por 30 dias e até cassação de autorização de funcionamento. 
Por: MT Via Rádio



Nenhum comentário:

Postar um comentário