quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Segunda dose da vacina contra o HPV será disponibilizada dia 15 em MT

A segunda dose da vacina contra o papiloma vírus humano (HPV) deve começar a ser aplicada em meninas de 11 a 13 anos de idade a partir do dia 15 de setembro nos postos de saúde em Mato Grosso. A primeira etapa da imunização, que protege contra o câncer de colo de útero, começou a ser disponibilizada há seis meses no estado. De acordo com a secretaria de Saúde de Cuiabá, a segunda dose é fundamental para garantir a imunização contra o vírus até que a dose de reforço seja feita, em cinco anos. O estado já recebeu mais de 90 mil doses e a meta é atingir 86.470 mil garotas.

As meninas que ainda não tomaram a primeira dose poderão ser imunizadas, já que a vacina passou a integrar o calendário de vacinação do Ministério da Saúde. Elas deverão comparecer a uma unidade de saúde com o cartão de vacina ou um documento de identificação. Conforme a secretaria, nos primeiros 30 dias de vacinação da primeira dose, 7.580 meninas foram imunizadas, sendo 2.456 de 11 anos, 2.578 de 12 anos e 2.546 de 13 anos. A expectativa é que este mesmo quantitativo seja alcançado nos primeiros 30 dias de vacinação da segunda etapa.

O vírus, que é um dos principais responsáveis pelo câncer de colo de útero, é transmitido pelo contato com a pele ou por meio de relações sexuais. A meta do Ministério da Saúde é atingir 80% da população alvo. Em Cuiabá, a expectativa é vacinar 13.690 meninas. A vacina quadrivalente que deve proteger contra quatro subtipos do vírus - 6, 11, 16 e 18, deverá ficar disponível durante todo o ano, como parte da rotina de imunização, que consiste em três doses.
Um balanço divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) apontou que até o mês de abril, mais de 59 mil meninas já haviam recebido a primeira dose, o que representava 74 % da meta prevista. “Tivemos uma grande adesão das meninas nos postos de saúde e, por isso, não foi preciso ir às escolas fazer a vacinação”,  avaliou a responsável técnica pela Imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Cláudia Soares de Souza.
De acordo com a SES, em 2015, a faixa etária da campanha deverá ser ampliada para crianças a partir de nove anos de idade. O objetivo do Ministério da Saúde é vacinar as garotas antes que elas iniciem a vida sexual e possam ter contato com o vírus. A faixa etária de 9 a 13 anos, segundo estudos, é a que alcança o melhor resultado de imunização. A partir de 2016, serão vacinadas as meninas somente de nove anos de idade.


O vírus

O HPV é transmitido pelo contato direto com a pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual, podendo ser transmitido também da mãe para o bebê no momento do parto. O Ministério da Saúde orienta que mulheres entre 25 e 64 anos façam o exame preventivo anualmente.

Do G1 MT

Nenhum comentário:

Postar um comentário